Tom Clancy's Rainbow Six® Siege | Operator BANDIT | Ubisoft® (US)

VOLTAR
Bandit icon

Bandit

Bandit faction

GSG9

Lado
Defensor
Função
anti-hard-breach, roam, secure
Armaduras
Velocidade
Dificuldade

ESTILO DE JOGO E HABILIDADE ÚNICA

Bandit é um Agente de proteção, antidemolição de superfícies resistentes e vigilância, capaz de bloquear pontos de entrada importantes para os atacantes e defender o objetivo, mesmo se mantendo em movimento. Bandit é capaz de eletrificar uma variedade de superfícies graças à sua habilidade especial: O Fio de Choque de Dispositivo Elétrico Rudimentar, ou CED-1.

Loadout

Arma primária

MP7

SUBMETRALHADORA

M870

ESPINGARDA

Arma secundária

P12

ARMA CURTA

Gadget

Arame farpado

C4

Equipamento Único

FIO DE CHOQUE

Biografia
Nome real
Dominic Brunsmeier
Data de Nascimento
13 de agosto - (Idade: 42)
Local de nascimento
Berlin, Alemanha

EXPERIÊNCIA

“A sobrevivência é uma questão de sincronia. A natureza não dá segundas oportunidades.”

Brunsmeier e seu irmão gêmeo foram criados em um bairro da classe trabalhadora, perto do Muro de Berlim. O pai deles trabalhava na polícia e os incentivou a se juntarem à força. Enquanto trabalhava na Bundespolizei (BPOL), Brunsmeier se destacava em situações de crise. Ele migrou para o Grupo de Aviação a tempo de obter sua habilitação para pilotar helicópteros, mas sua adaptabilidade e experiência com vigilância de fronteiras o assinalaram para operações sigilosas. Ele se infiltrou na organização terrorista Facção Exército Vermelho e, mais tarde, nos Hell's Angels, de Hannover. Em ambas as operações, a contribuição de Brunsmeier foi vital para a prisão dos principais membros e para a obtenção de informações valiosas. Enquanto estava infiltrado, Brunsmeier aperfeiçoou seus conhecimentos em táticas de guerrilha e dispositivos explosivos improvisados. Ele desenvolveu protótipos de sua barricada eletrificada e do escudo ajustável. Ele é fluente em alemão, inglês, polonês e turco.

RELATÓRIO PSICOLÓGICO

Eu não esperaria que um agente que trabalhou infiltrado durante anos para gangues de motociclistas perigosos e militantes fosse menos do que inteligente e adaptativo. E mais, ao reler o histórico do Agente Dominic “Bandit“ Brunsmeier, fico impressionado com o quanto ele teve de ser engenhoso. É óbvio que ele teve de ser criativo e estratégico para permanecer vivo. E então, fui surpreendido pelo seu senso de humor; deve ser o que o manteve ao longo das operações secretas. Dito isto, ele pode ser intensamente frio. Nada me lembra mais que sou um civil frágil do que olhar nos olhos de Brunsmeier. […]

Brunsmeier certamente fala com carinho de seu irmão, e gosta de ser o tio dos filhos dele – os únicos que o permitem ser tão bobo quanto gostaria. Ele me contou de sua infância sob a sombra do Muro de Berlim; do BOOM que ouvia às vezes, quando algo ativava uma mina terrestre; e de como não conseguia resistir a pregar peças nos guardas. […]

Eu não queria perguntar diretamente sobre o trabalho infiltrado, e foi só em um de nossos encontros mais recentes que ele se ofereceu para dividir informações. Brunsmeier descreveu o quanto era desafiante se lembrar de seu verdadeiro “eu“ quando imerso em outra identidade. A pergunta “Quem é você?“ o atormentava nos sonhos. Se ousasse responder a pergunta, sabia que estaria morto. Mesmo considerar a pergunta era pergigoso, por isso ele logo desviava o pensamento. Discutimos detalhes sobre o que ele tinha de fazer para manter o disfarce, a fonte de alguns rumores incríveis que circulavam sobre ele. Sorrindo, me disse que apenas a metade deles é verdadeira. Aqui eu não queria trair sua confiança; me bastava saber se tudo isso ainda tinha algum efeito nele ou na Equipe Rainbow. […] O que posso oferecer no momento é que a equipe funciona bem junta. […]

É vital que Brunsmeier não se isole. Treinamentos ao lado de Agentes como Miles “Castle“ Campbell, Emmanuele “Twitch“ Pichon ou Elias “Blitz“ Kötz podem ajudar. Estes Agentes têm atributos tranquilizadores que podem controlar os demônios internos de Brunsmeier.

-- Dr. Harishva “Harry” Pandey, Diretor da Rainbow

Dicas de jogabilidade

PROTEJA SUAS BATERIAS

Geralmente, os atacantes vão tentar anular as baterias logo no começo. Na fase de preparação, cuidado com os drones da Twitch. Depois que a rodada começar, tente manter uma contagem de quantas granadas eletromagnéticas ou drones da Twitch a equipe mandou e prepare-se para reimplantar ou substituir suas baterias.

ELETRIFICANDO DISPOSITIVOS

Embora geralmente seja melhor eletrificar paredes reforçadas, você também vai querer colocar baterias em escudos ajustáveis ou em arame farpado. Isso pode ser ótimo para conter agentes de blindagem ou deter o avanço dos drones. Um ótimo combo é uma bateria em uma parede equipada com o espelho negro da Mira.

ESCUTE COM ATENÇÃO

Sempre que um dispositivo ou um atacante acertar qualquer coisa que você tiver eletrificado, vai se ouvir um zumbido alto; lembre-se das posições eletrificadas para poder reagir a isso.

SALVE SE FOR POSSÍVEL

Se você ouvir ou vir o Thatcher ou um drone da Twitch se aproximando ou se o andar acima de você começar a ser aberto, seja rápido e veja se consegue salvar as baterias. É sempre melhor usá-las em outro lugar do que elas serem destruídas. Isso pode salvar a rodada mais tarde, mas nunca vale a pena morrer por isso.

TRUQUE DO BANDIT

Um bom Bandit é capaz de contra-atacar o Thermite e a Hibana colocando a bateria logo depois que a demolição de superfícies resistentes tiver sido aplicada. Isso é muito difícil de contra-atacar, a menos que os atacantes forcem você a se mover com granadas ou algo assim.